• François

A arroba que não acrescentou meio quilo.

Foi o depoimento de Sérgio Moro, por oito horas, à Polícia Federal. Nem poderia ser diferente. A menos que, no intervalo entre sua saída e primeiras declarações, houvesse gravidade omitida por ele.

Entenderam? Só nesse intervalo de tempo ele não seria cúmplice. Qualquer outra declaração antiga, de dois meses para trás até seu ingresso no governo, poderia incriminar seu chefe, sim. Porém, entretanto, mas porém, (né mesmo Zé Limeira?), incluiria o denunciante na condição de coautor.

Não há crime de Bolsonaro, na área de justiça ou segurança, policial ou de influência indevida, de dois meses para trás que não tenha Sérgio Moro como cúmplice. Claro como a fonte de Pureza.

Então seu depoimento é um teatro de longo curso para não chegar a porto nenhum. Tentativa de navegação sem vento. Numa caravela de piratas, com tripulação promíscua, sujeita a escorbuto com escassez de limões.


39 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo

Casamento e mais filhos

Bolsonaro declarou que o casamento com o PL do mensaleiro Valdemar da Costa Neto, aquele que foi condenado por corrupção, de quem Bolsonaro dizia querer distância, "vai gerar muitos filhos". Bem, po

A toga e o hipócrita

O ex-juiz Sérgio Moro revela-se muito preocupado com com uma recente besteira dita por Lula, quando interrogado sobre a quarta "eleição" de Daniel Ortega, na Nicarágua. Foi uma observação infeliz? Foi

A direita se lambuza...

...e seus adoradores ejaculam no gozo alheio. Bolsonaro, o rei da mentira, levou filhos e bajuladores "in pectore" para um passeio milionário, à custa do contribuinte, em Dubai. Tudo muito rico, muito