• François

A resistência...

...e os quibas dos generais.


Estou indo para Martins organizar a resistência ao golpe Bozobragheleno. Faremos um desfile com as tropas do Grupo Almino Afonso e depois seguiremos para o Diadema, de onde sai o acesso para a Ladeira Treze de Maio, na direção das grotas para o Sertão.


O treinamento com armas será realizado no Sítio Pimenta, de Zé de Estêvão, de saudosa memória. São três espingardas de soca e cento e cinquenta baladeiras, com ligas de pneus de bicicleta e ganchos de pau d'arco.


Todo o treinamento será com o objetivo de esperar os golpistas Braga Neto, Ramos e Heleno, generais medalhados de gordo soldo. A turma já está bem treinada para acertar os alvos. Serão miradas as baladeiras na direção dos contracheques, que os generais escondem no fundo dos bolsos das calças, vizinhos do saco onde eles escondem os quibas. Acertou ali, morreu o golpe.

42 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Casamento e mais filhos

Bolsonaro declarou que o casamento com o PL do mensaleiro Valdemar da Costa Neto, aquele que foi condenado por corrupção, de quem Bolsonaro dizia querer distância, "vai gerar muitos filhos". Bem, po

A toga e o hipócrita

O ex-juiz Sérgio Moro revela-se muito preocupado com com uma recente besteira dita por Lula, quando interrogado sobre a quarta "eleição" de Daniel Ortega, na Nicarágua. Foi uma observação infeliz? Foi

A direita se lambuza...

...e seus adoradores ejaculam no gozo alheio. Bolsonaro, o rei da mentira, levou filhos e bajuladores "in pectore" para um passeio milionário, à custa do contribuinte, em Dubai. Tudo muito rico, muito