• François

Alô...alô, Vlado!

Caro amigo Vladimir Carvalho, onde pousas? Vi seu contato com Raíssa, mas informo que não tenho como responder os comentários, pois não tenho face nem twitter. Isto é, eu mesmo não posso comentar no Blog.

Saudade. O livro saiu, e com ele seu brilhante bilhete. Como está a família, sua esposa melhorou? Espero que estejam todos bem nesses tempos sem sol.

Meu abraço fraterno. Quem sempre entra em contato é o Tadeu. (Ele mandou um registros bonito do lançamento do "dois pra lá, dois pra cá", onde estão Aldir Blanc, João Bosco e muitos outros, inclusive ele, acho que num lançamento no Cine Odeon, na Cinelândia). Abraço, Vlado!


39 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O rinoceronte acoelhou-se

Pois é. O valentão de dois dias atrás virou coelho, quando lhe apertaram os colhões. Essa tchurma não engana. Tudo valentia de ocasião, esperando que as armas ostensivas e os músculos bombados imponha

O oitão do cajá

O Cajá era um sitio minimalista, de propriedade de minha avó, onde morava seu Bendito do Cajá. Nunca soube do seu sobrenome, conhecido era ele pelo pós nome do sitio onde morava. O sítio era tão sem g

Picaretagem interrompida?

Onde e por quem demonstra a maluquice do país, do qual alguém já disse há muito tempo: "No Brasil não será surpresa se um dia a Sexta Feira da paixão cair numa Terça Feira de carnaval". A que me refir