• François

Bolsonarismo derrete em São Paulo

Atualizado: 24 de Out de 2020

Celso Russomano, aquele que tem arrancada de leão e chegada de jumento, tinha 29% das intenções de votos. Estava em primeiro lugar. Após receber o apoio de Bolsonaro e participar do primeiro debate na televisão, caiu para 20% e está em segundo lugar.


Enquanto isso, o candidato do Psol, Guilherme Boulos, que tinha 9% subiu para 14% e assusta Bruno Covas, que está agora em primeiro lugar. O tucano torce para que Russomano não derreta e vá para o segundo turno, pois será mais fácil vencê-lo do que vencer Boulos.


Covas conta com a ajuda de Lula e do PT, posto que os quatro ou cinco por cento do candidato petista poderá evitar a ida de Boulos, da esquerda, para o segundo turno. É o repeteco da eleição passada. Na passada, Lula argumenta que Haddad teve votos para ir ao segundo turno. E agora? O petista patina na rabeira. Não tem a mínima chance, mas pode ajudar a direita mantendo uma candidatura sem futuro. O bolsonarismo e o petismo compõem a aliança macabra dos "antagônicos".


49 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Rifa macabra

Isso não é um governo. É uma rifa clandestina entre amigos e sicários da população, posto que dos atos e omissões o resultado foi a mais cruel mortandade populacional da história do Brasil. Amigos civ

As tripas de um país fecal

Cujo presidente dá um susto nos aliados ao ter interrompida a tripa cagaiteira. Pois pois, como diria um português de Lisboa. "Ô pá, lamento, mas se todo mundo morre um dia, como disse o próprio gajo,

Só Cagão? Não...

Azarão também. Cagou para a CPI e azarou a Seleção. Onde Bolsonaro põe a torcido o azar hospeda-se junto. Torceu pro Trump, Trump lascou-se. Torceu na eleição da Bolívia, a esquerda venceu. Torceu pel