• François

Bolsonarismo derrete em São Paulo

Atualizado: 24 de out. de 2020

Celso Russomano, aquele que tem arrancada de leão e chegada de jumento, tinha 29% das intenções de votos. Estava em primeiro lugar. Após receber o apoio de Bolsonaro e participar do primeiro debate na televisão, caiu para 20% e está em segundo lugar.


Enquanto isso, o candidato do Psol, Guilherme Boulos, que tinha 9% subiu para 14% e assusta Bruno Covas, que está agora em primeiro lugar. O tucano torce para que Russomano não derreta e vá para o segundo turno, pois será mais fácil vencê-lo do que vencer Boulos.


Covas conta com a ajuda de Lula e do PT, posto que os quatro ou cinco por cento do candidato petista poderá evitar a ida de Boulos, da esquerda, para o segundo turno. É o repeteco da eleição passada. Na passada, Lula argumenta que Haddad teve votos para ir ao segundo turno. E agora? O petista patina na rabeira. Não tem a mínima chance, mas pode ajudar a direita mantendo uma candidatura sem futuro. O bolsonarismo e o petismo compõem a aliança macabra dos "antagônicos".


49 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

...da derrota de Bolsonaro. É Lula? Não. Lula sabe que nada está definido. Eleição e mineração só depois da apuração. Lição do velho pessedismo dos tempos saudosos do Brasil ingênuo e democrático. Inc

...um frouxo armado! Bolsonaro grita histericamente num palanque: "Povo armado não será escravizado". Mas não diz, "homem armado não será assaltado". Por que será que não diz? Vou contar. Vinha o ex-c

Acompanhei por muitos dias vários portais da Direita, bolsonaristas ou moristas, e descobri o óbvio. O discurso monocórdio, chato, paulificante. Portais, blogs e rádios televisadas. Vendedores de opin