top of page
  • Foto do escritorFrançois

Bolsonaro sabia?

Parece que sim. Estou falando da prisão de Fabrício Queiroz, cuja informação dá conta de que foi uma operação sigilosíssima. Pois é. Tudo para não vazar e o procurado (cadê o Queiroz?) não sumir de novo.

Contudo, ontem o presidente pronunciou uma frase "enigmática", igual ao riso da Monalisa, quando disse: "está chegando a hora de colocar tudo em seu devido lugar".

Todos imaginaram ser mais uma dessas ameaças de chantagem, bravata da semana. Porém, agora sabemos que ele sabia.

Queiroz foi colocado no seu devido lugar. Essa informação privilegiada sugere que Bolsonaro abandonou o amigo "in pectoris".

Agora é esperar a delação. Queiroz será o Palocci de Flávio, o 01?


44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Esconderijo de silêncios (VI)

Desde a partida do padre Salomão, Januária quase acostuma-se com a calmaria religiosa entre as igrejas. O novo padre, tolerante, a igreja Batista, luterana, com um pastor tradicional, os terreiros de

E quando morrer?

Ao nascer, nem lembro quando, se chorei, nasci. Infância de grotas, chãs, pé de serra, frutas, sacristias, chuva e seca, se brinquei, sorri. Adolescência, remanso das dúvidas, morrem as certezas, veló

Esconderijo de silêncios (V)

A chegada de novo pároco em Januária atiçou a curiosidade noturna dos habitantes. O que houvera de fato? O sacristão segurava-se na promessa feita ao padre Salomão. O novo padre, jovem, foi alvo de as

Comments


bottom of page