• François

Cada um…

Atualizado: 31 de Jan de 2020

…tem o citado que merece. O Roberto Alvim citou Goebbels e disse não saber que a citação era dele, mas do Google. Regina Duarte cita Adrilles Jorge, ex-BBB, concorda e repete a citação, mas pergunta quem é “esse cara legal”?

Ambos, o demitido e a convidada são dois analfabetos culturais. O primeiro, antes desse episódio, era um anônimo. Ganhou a notoriedade de imbecil. E foi embora tarde. A convidada é bastante conhecida. Guarda o rancor de nunca ter sido elevada, pela crítica, à condição de atriz de primeira grandeza. Uma medíocre encenadora de novelas, fazendo sempre o mesmo papel e repetindo as mesmas “interpretações”. A namoradinha do Brasil. Um país solteiro. Agora abre a boca e repete uma besteira. “Marxismo cultural”. E diz que isso está no mundo todo. Mediocridade artística, analfabetismo filosófico e imbecilidade cultural. Ela e o governo, botão e casa.


35 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Rifa macabra

Isso não é um governo. É uma rifa clandestina entre amigos e sicários da população, posto que dos atos e omissões o resultado foi a mais cruel mortandade populacional da história do Brasil. Amigos civ

As tripas de um país fecal

Cujo presidente dá um susto nos aliados ao ter interrompida a tripa cagaiteira. Pois pois, como diria um português de Lisboa. "Ô pá, lamento, mas se todo mundo morre um dia, como disse o próprio gajo,

Só Cagão? Não...

Azarão também. Cagou para a CPI e azarou a Seleção. Onde Bolsonaro põe a torcido o azar hospeda-se junto. Torceu pro Trump, Trump lascou-se. Torceu na eleição da Bolívia, a esquerda venceu. Torceu pel