• François

Chitãonaro e Chororô

Chora Sara Winter/

chora Malafaia/

chora Ives Gandra/

chora e soluça Bretas/

Chora todo mundo,

e o choro corre bem

todo mundo a lamentar/ no muro de Jerusalém.


Chora Augusto Nunes/

chora Alexandre Garcia/

chora o Lacombe/

chora o matutino da JP/

chora todo mundo,

e o choro é tão baboso

que chega a jogar lágrimas/ nas partes ovais do Bozo.


Chora a Crusoé/

choram antagonistas/

até o Diogo chora/

choram todos os moristas/

só não choram os humoristas,

e o choro virou decano

que até Bolsonaro chora/ pelo seu chefe americano.









57 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Caras de bunda

Tivemos recentemente dinheiro na bunda. Hoje temos nádegas nas fuças. A que me refiro? Aos comentários de alguns fascistóides da imprensa nacional inconformados com a vitória popular na Bolívia. Num d

O caráter e o talento

Tempos de acentuação vertical do mau-caratismo. A pergunta paira sobre a realidade política e cultural do continente de Vera Cruz. Fulano é talentoso? A pergunta sai numa reunião de jornalistas e prod