• François

Cocadas da segunda

Tacho da cocada preta. Alguém que não seja "fiel" dessas igrejas vendedoras de milagres, empresas do embuste, tem alguma dúvida sobre a picaretagem dos seus líderes? E aí eu incluo os ateus, os agnósticos, os evangélicos luteranos e outros da tradição protestante, os católicos, os espíritas; todos sabem de ciência própria que Edir Macedo, Cilas Malafaia, Romildo Soares, Valdomiro Santiago, Magno Malta e outros menso votados, da mesma espécie, são picaretas fichados no evangelho. Descendentes daqueles vendilhões do templo expulsos a chibatadas pelo Nazareno Jesus Cristo.


Tacho da cocada branca. Felipe Neto foi vítima de uma campanha sórdida, mentirosa, comprovadamente desmascarada. Mas, uma fatia da mídia dita isenta negou-lhe solidariedade e até enfronhou-se da cavilação de que era "preciso salvaguardar as crianças". Não há crianças em risco nessa história. O que está em risco é a honestidade de muitos hipócritas vestidos de anjos. Uma piada de mal gosto, que mesmo provada inverídica, foi usada para acusação de pedofilia. E em sendo verdade, ainda assim, não configuraria o hediondo crime de pedofilia. Lembro de um programa de auditório antigo, quando Silvio Santos, fazendo propaganda das pastilhas Garoto, disse: "Faça como Michael Jackson, só chupe Garoto". Foi uma estupidez? Foi. Mas foi pedofilia? Não.


Tacho da cocada queimada. O que há contra Felipe Neto é inveja, despeito, recalques e frustrações. De velhos enferrujados na prática política do oportunismo, de fascistas saídos do esgoto, de esquerdistas fanatizados e idólatras. Tudo esperneando feito siris numa lata de flandre.

54 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Rifa macabra

Isso não é um governo. É uma rifa clandestina entre amigos e sicários da população, posto que dos atos e omissões o resultado foi a mais cruel mortandade populacional da história do Brasil. Amigos civ

As tripas de um país fecal

Cujo presidente dá um susto nos aliados ao ter interrompida a tripa cagaiteira. Pois pois, como diria um português de Lisboa. "Ô pá, lamento, mas se todo mundo morre um dia, como disse o próprio gajo,

Só Cagão? Não...

Azarão também. Cagou para a CPI e azarou a Seleção. Onde Bolsonaro põe a torcido o azar hospeda-se junto. Torceu pro Trump, Trump lascou-se. Torceu na eleição da Bolívia, a esquerda venceu. Torceu pel