top of page
  • Foto do escritorFrançois

Crápula? Sempre tem um pior

Essa teoria recebe agora um recheio de confirmação. Pra quem achava que não haveria crápulas piores do que o time bolsonariano, dos filhotes e cúmplices, dos Queiroz, do ministraço de relações exteriores e do seu irmão siamês da educação e finalmente da namoradinha do Brasil, taí confirmado. Um crápula, que se escondia na penumbra do chiqueiro, disfarçando com a lama de porco a sua lama de vida, botou o focinho de fora.

Roberto Jefferson. O quadrilheiro, corrupto e ladrão confesso. Mamou e roubou do erário durantes décadas. Bajulou Brizola, foi baba-ovo oficial de Collor, paparicou Lula e dividiu com Zé Dirceu a liderança de uma quadrilha. Preso, depois tornozeleira eletrônica, prisão domiciliar. Ainda não terminou de cumprir a pena por corrupção. E só no Brasil, um bandido confesso, condenado, dirige um partido político.

Lembram quando ele disse a Zé Dirceu: "Zé, saia daí, para não sujar um inocente". Quem ele chamava de inocente? O mesmo Lula, que hoje ele chama de ladrão. Mas naquela hora Lula ainda era presidente, e ele, cretino profissional, queria continuar mamando.

Pois bem. Nenhum dos crápulas citados antes consegue chegar ao nível de crapulice desse sacripanta consagrado. O rei dos pústulas.

Agora o governo se completa. Tem em Roberto Jefferson o porta-voz de Bolsonaro junto ao Congresso. Será que ainda tem um pior?... Deus nos salve!


59 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Povo e o fascismo pentecostal

Um milhão de pessoas na rua, numa manifestação, não é Povo. Nem dez milhões, nem cem milhões. É Massa. Merece respeito? Sim. Mas não é povo. Povo é o conjunto de todos de um país, cada um compreendido

Pequeno burguês de esquerda

Certa vez, um comentarista do Blog de Carlos Santos, pensando me agredir, chamou-me de ex-comunista. Eu respondi confirmando, para desencanto dele. Disse, na época, que concordava com a afirmação. E q

Desaforismos ao pé do chope.

I- Se em cada cabeça, uma sentença; em cada bunda, uma sentada. II- Tolstói disse que "certas pessoas ao entrarem numa floresta, só veem lenha para a fogueira". Hoje, muita gente olha para para a mu

bottom of page