top of page
  • Foto do escritorFrançois

Em cada avaliação...

... uma tendência. É o que se lê sobre o resultado das eleições. Entre os polarizados, cada lado avalia trazendo mais cinza do braseiro. Já que brasas de mesmo, mesmo, ninguém encontra com fartura.


Dou-me o direito de também expor e meter minha colher. Do que vi e colhi, onde e quando vi, acho (o velho achismo) que há dois grandes perdedores. O lulismo e o bolsonarismo. A derrota dos dois foi clara e cristalina.


Dos vitoriosos, muito mais prestigio pessoal do que de agremiação partidária. Ou o desprestígio de gestões desastrosas, caso do Rio de Janeiro. Mas pode-se creditar ascensão ou queda desses partidos. Pelo que vi, entendo que dois partidos realmente cresceram. Um à direita, o DEM. Marcou crescimento real. Outro à esquerda, o Psol. Aponta como norte de novidade no pleito, com chances reais de conduzir com protagonismo o destino eleitoral do progressismo. Foi o que vi.

33 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pequeno burguês de esquerda

Certa vez, um comentarista do Blog de Carlos Santos, pensando me agredir, chamou-me de ex-comunista. Eu respondi confirmando, para desencanto dele. Disse, na época, que concordava com a afirmação. E q

Desaforismos ao pé do chope.

I- Se em cada cabeça, uma sentença; em cada bunda, uma sentada. II- Tolstói disse que "certas pessoas ao entrarem numa floresta, só veem lenha para a fogueira". Hoje, muita gente olha para para a mu

A tribuna da defesa...

...no processo criminal. Não há hierarquia entre Juiz, Promotor e Advogado. Nenhuma hierarquia. Todos iguais, essenciais e indispensáveis à administração da Justiça. Mesmo que algum juiz se imagine Al

bottom of page