• François

Estranheza por quê?

Estão estranhando a escolha do novo ministro da educação. Não vejo razão para tal estranheza. Se no reino da mediocridade, o rei é mentalmente inferior aos medíocres, qualquer auxiliar que mereça sua escolha não terá fronteira limítrofe da imbecilidade.

Está no cerne e no fígado do reino. Um reino tripal. Isso mesmo, tripal e não tribal. Posto que tribal vem de tribo, que é coisa de humanos. E tripal vem de tripas, que é coisa do intestino, onde se fabrica merda.

Uma das pérolas do novo ministraço, desse ministério de traças, é a defesa de violência física contra crianças, como forma "eficiente" da "educação" pelos pais.

Um malafaínha a mais ou a menos não altera o covil dos olavetes.

44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

...da derrota de Bolsonaro. É Lula? Não. Lula sabe que nada está definido. Eleição e mineração só depois da apuração. Lição do velho pessedismo dos tempos saudosos do Brasil ingênuo e democrático. Inc

...um frouxo armado! Bolsonaro grita histericamente num palanque: "Povo armado não será escravizado". Mas não diz, "homem armado não será assaltado". Por que será que não diz? Vou contar. Vinha o ex-c

Acompanhei por muitos dias vários portais da Direita, bolsonaristas ou moristas, e descobri o óbvio. O discurso monocórdio, chato, paulificante. Portais, blogs e rádios televisadas. Vendedores de opin