• François

Fátima Bezerra bolsonariou?

Parece que sim. Num momento em que os casos de Covid multiplicam-se no Estado, o governo Fátima Bezerra publica uma decisão no mínimo estúpida.


O que diz o texto publicado? Que os servidores estaduais devem voltar às atividades presenciais de expediente. E tem mais, se o servidor for do grupo de risco, terá de apresentar atestado médico, passível de avalição por junta médica do Estado. Isto é, burocracia burra e insensata. No momento em que os colégios particulares suspendem aulas presenciais, pois a situação é de gravidade maior do que no inicio da pandemia.


Um idoso, hipertenso, diabético, ou asmático, funcionário público, terá de provar que é idoso e portador de comorbidade, arriscar-se à contaminação numa peregrinação pela burocracia do governo, pondo em risco inclusive os membros da junta médica específica.


Vou aguardar a live de Bolsonaro anunciando aos quatro cantos: "Tá vendo? Até o governo petista do Rio Grande do Norte concorda comigo. É uma gripezinha de merda". Numa coisa ele estará certo. Há um miasma fecal no centro da burocracia oficial.

51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Casamento e mais filhos

Bolsonaro declarou que o casamento com o PL do mensaleiro Valdemar da Costa Neto, aquele que foi condenado por corrupção, de quem Bolsonaro dizia querer distância, "vai gerar muitos filhos". Bem, po

A toga e o hipócrita

O ex-juiz Sérgio Moro revela-se muito preocupado com com uma recente besteira dita por Lula, quando interrogado sobre a quarta "eleição" de Daniel Ortega, na Nicarágua. Foi uma observação infeliz? Foi

A direita se lambuza...

...e seus adoradores ejaculam no gozo alheio. Bolsonaro, o rei da mentira, levou filhos e bajuladores "in pectore" para um passeio milionário, à custa do contribuinte, em Dubai. Tudo muito rico, muito