• François

Faça figa, Boulos.

Bolsonaro tem dito a aliados que, em São Paulo, prefere Boulos a Covas. Cuidado Boulos. Esse camarada dá azar em jogo de pé de parede, aquele que ganha quem botar a castanha de caju mais perto do muro. Castelo é o nome da castanha, maior do que as castanhas comuns.


Num renegue votos, Boulos, mas faça de conta que não soube desse "apoio". Cruz credo figa, isso é companhia que se queira?


Nas veredas do Queitatu dizia seu Raimundo Tamanduá: "mió sozin do qui má cumpanhado".

47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O rinoceronte acoelhou-se

Pois é. O valentão de dois dias atrás virou coelho, quando lhe apertaram os colhões. Essa tchurma não engana. Tudo valentia de ocasião, esperando que as armas ostensivas e os músculos bombados imponha

O oitão do cajá

O Cajá era um sitio minimalista, de propriedade de minha avó, onde morava seu Bendito do Cajá. Nunca soube do seu sobrenome, conhecido era ele pelo pós nome do sitio onde morava. O sítio era tão sem g

Picaretagem interrompida?

Onde e por quem demonstra a maluquice do país, do qual alguém já disse há muito tempo: "No Brasil não será surpresa se um dia a Sexta Feira da paixão cair numa Terça Feira de carnaval". A que me refir