• François

Libelu, pra não esquecer

Na praça um filme sobre a Libelu. Em resumo a Libelu foi um grupo de resistência à Ditadura, no Movimento Estudantil. De tendência trotskista, a Libelu teve papel marcante na luta de resistência e no tablado onde sobrevivia, em meio à escuridão, a vida artística e cultural do país mutilado, oprimido e de joelhos.


Há os que detestam a relembrança. Muitos pela adesão e colaboração, o que é de se compreender. E outros pelo remorso inescondível da omissão. Que se lembre, se relembre e nunca se deixe esquecer.


Reitero a observação de Darcy Ribeiro sobre vitória e derrota. "Nesse embate eu teria vergonha de mim mesmo se estivesse entre os vencedores; pelo contrário, sinto orgulho de figurar entre os vencidos".

53 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Rifa macabra

Isso não é um governo. É uma rifa clandestina entre amigos e sicários da população, posto que dos atos e omissões o resultado foi a mais cruel mortandade populacional da história do Brasil. Amigos civ

As tripas de um país fecal

Cujo presidente dá um susto nos aliados ao ter interrompida a tripa cagaiteira. Pois pois, como diria um português de Lisboa. "Ô pá, lamento, mas se todo mundo morre um dia, como disse o próprio gajo,

Só Cagão? Não...

Azarão também. Cagou para a CPI e azarou a Seleção. Onde Bolsonaro põe a torcido o azar hospeda-se junto. Torceu pro Trump, Trump lascou-se. Torceu na eleição da Bolívia, a esquerda venceu. Torceu pel