• François

O bufão bufa de novo

E há explicações pra isso. Tem nada a ver com decisões do Supremo e muito menos com a defesa dos seus vassalos. Nada a ver.


Tem a ver com as pesquisas eleitorais. Ele perde em todas, inclusive naquelas de institutos claramente vinculados ao sistema oficial. Exemplo da Paraná Pesquisa. Que aproxima aqui, empata ali, mas quando chega no segundo turno, rende-se à realidade. E até no primeiro dá vitória de Lula. Apertada, mas dá. Os outros institutos mostram quadro quase irreversível da derrota de Bolsonaro. Essa é uma das causas do seu destrambelhamento, com o ramerrão da chantagem, usando o fato de ser "chefe das forças armadas". Formas Armadas que ele não cansa de humilhar. Ranço antigo. Perdeu totalmente o senso do ridículo.


Outra causa é o descontrole da economia. O desemprego, a inflação, a desvalorização do Real. Agora, com a tentativa de enfiar a mão no bolso dos Estados. Pra completar, esse sumiço de um jornalista inglês na Amazônia. Que, mesmo sem haver culpa direta, atrai os olhares e interesses internacionais para aquela região. E o governo sabe muito bem qual a sua fama sobre meio ambiente e direitos humanos.


Essas são as razões reais. A agressão ao Supremo e ao sistema eleitoral é apenas uma cortina de fumaça. Fumaça de estopa.

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A inflação dispara sem controle, ninguém mais manda encher o tanque. Só no Rio de Janeiro há 3,7 milhões de pessoas em estado de fome permanente. O Ministério da Saúde gastando dinheiro público e ener

De bananas? Sim, senhor. Mas é da banana ouro? Não. Prata? Não. D'água? Também não. É do bananal de nanicas. A banana nanica é grande, porém a bananeira de onde ela vem é anã. Pequenina. Frutos aparen

Sou do tempo em que positivo era sinal do benfazejo. "Como vai"? E a resposta boa era: "Tudo positivo". E tome o dedo polegar pra cima, dizendo Cézar ao gladiador para não matar. Até no jargão polici