• François

O cagão e a China

Disse o cagão: "É uma maldade dizer que eu me referi à China, pois não citei a palavra China". O que foi que ele disse? Disse que o vírus corona pode ter sido produzido em laboratório, para ser usado numa guerra bacteriológica. E perguntou: "Qual país teve seu PIB mais crescido? Não vou responder".


A que país ele se referia? Ora, ora, ora. Quando um funcionário chinês deu-lhe um puxão de orelha, o cagão acocorou-se. E desdisse o que disse que não tinha dito. Cagão.


Há um cagão, negacionista, fascista, analfabeto, estúpido que é presidente de um país da América Latina. Não estou acusando ninguém. Em nenhum momento eu disse o nome de batismo que foi posto no cagão. De quem falei? Sei não.



55 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Sob o signo do chifre

Na madrugada do dia 16 de Novembro de 1889, Deodoro da Fonseca aceitou a argumentação dos republicanos e assinou do Decreto de Proclamação da República, assumindo o poder na condição de Ditador. Não f

"Perdemos o Peru"

De quem é a frase? Do nosso ilustre Bolsonóquio. O "perdemos" fica por conta do seu delírio de que é um dos agentes mundiais sócios do planeta. Deliraca, mistura de delírio com babaca. O fascismo perd

O mentiroso mor...

...no chiqueirinho. Jair Bolsonaro, o mentiroso mais notório do Brasil, ontem, no "chiqueirinho" onde recebe diariamente parte do rebanho do seu gado, disse que havia um relatório do TCU, tribunal de