• François

O general e a dança da chuva

Um general, desses que empanzinam o governo, parece que de nome general Ramos, meu deus, disse que a chuva de ontem e hoje no Pantanal foi uma resposta de Deus à visita de Bolsonaro. General de quatro estrelas, como diria Newton Navarro, brilhantes pelo Kaol. Puta que pariu. Vá ser baba ovo pelo cargo comissionado assim lá no terreiro de Pai Chiquim.


Mas há um prazer. Qual? Vivi para escarrar na bosta dita por um general sem ter a PF me prendendo pela manhã. Pois é. Fosse naquele tempo dos gorilas e seus acólitos, incluindo os omissos, a Casa do Estudante seria invadida, sem mandado judicial, e eu preso. Por um grupo da PF ou um Jipe do Exército.


General Ramos, o senhor não é um ramo. É uma ruma.

47 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Ciro e a cangalha

Votei em Ciro Gomes nas eleições passadas. E disse na época que ele era o mais preparado de todos os candidatos. E o único que oferecia ao eleitor um programa de governo. Nas mesmas circunstâncias, re

A cara chorosa da Direita...

...dá prazer. Independentemente do mérito desse julgamento de oito a três sobre a incompetência do julgamento e condenação de Lula na furna da onça de Curitiba, o que me alegra é ver a cara de choro d

Uma flor de Nantes/França...

...para Cajuais da Serra/ Martins. De Sueleide Suassuna. "Uma frô Entre um pneu e um tronco Uma rosa pra acalentar nosso pranto De saudade de um Brasil De céu anil De saudade da minha terra De Cajuais