top of page
  • Foto do escritorFrançois

O impasse de Mandetta

Após a fala de Bolsonaro em rede nacional, e a ratificação do rincho hoje pela manhã, o ministro da saúde não tem terceira via. Fica no governo, chamando Bolsonaro de timoneiro do barco da saúde, como fez, ou cai fora. Não há terceira via. Se ele confirmar a necessidade das medidas adotados, não pode continua no governo. Sob pena de lhe faltar credibilidade para impor soluções. Bolsonaro o desmoralizou publicamente, seguindo a orientação dos seus "cientistas"; quais sejam, Carlos Bolsonaro, o ministro do meio ambiente, cujo nome desconheço, o general Heleno, positivado viral, e de longe, o guru Olavo do Carái.

Os Estados devem continuar com as medidas cautelares pertinentes e ignorarem o rincho presidencial. É deixar Bolsonaro rinchando nas quebradas, com seus acólitos afiando os cascos. Enquanto isso, até As Olimpíadas foram adiadas. Coisa inédita na sua história.

P.S: Vejo agora que a segunda pessoa sensata desse governo não é sensata, um sereno aparente, que sobe ao convés para curvar-se ao timoneiro. Mandetta é um perneta do capitão gancho. Resta o outro sensato, o General Mourão. Tomara que se isole dessa nau de fragos.

70 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo

Esconderijo de silêncios (VI)

Desde a partida do padre Salomão, Januária quase acostuma-se com a calmaria religiosa entre as igrejas. O novo padre, tolerante, a igreja Batista, luterana, com um pastor tradicional, os terreiros de

E quando morrer?

Ao nascer, nem lembro quando, se chorei, nasci. Infância de grotas, chãs, pé de serra, frutas, sacristias, chuva e seca, se brinquei, sorri. Adolescência, remanso das dúvidas, morrem as certezas, veló

Esconderijo de silêncios (V)

A chegada de novo pároco em Januária atiçou a curiosidade noturna dos habitantes. O que houvera de fato? O sacristão segurava-se na promessa feita ao padre Salomão. O novo padre, jovem, foi alvo de as

2 commenti


Sueleide Suassuna Thin
Sueleide Suassuna Thin
26 mar 2020

*estropício


Mi piace

Sueleide Suassuna Thin
Sueleide Suassuna Thin
26 mar 2020

Pronto. Inseri-me aqui nesta coluna para ler a "palavra", colher alguns motes e dar o meu pitaco. "Mandetta é um perneta do capitão gancho" é um excelente mote. Convida a fazer cordel. "(N)essa nau de fragos" é outra construção supimpa. Boa definição desse governo; que não passa mesmo de uma nau de estercos, de excrementos, de estrabos. Porque os náufragos mesmos, são os brasileiros, que elegeram esse estrupício.


Mi piace
bottom of page