• François

País guenzo

O Brasil não perde o hábito de vira-lata da História. Abanando o rabo para as metrópoles, que o deixam guenzo de fome perdido nos becos do mundo. Se nasce um príncipe na Inglaterra, as televisões daqui viram babás do bebê. Trocam fraldas e acompanham a próxima cagada. Se a Inglaterra sai da União europeia, não tem outro assunto por aqui. Paiseco, se enxergue! A Europa e a Inglaterra que se lixem. Não são problemas nossos.

Se Donlad Trump solta um peito, lá vem o nosso ministraço das relações (sexuais) exteriores e solta uma bufa, pra dizer que estamos juntos no mesmo cagadouro. E com o rabo entre as pernas o cão guenzo bate continência ao Tio Sam. Desculpas ao leitor, mas não é culpa do texto o escatológico mundo em que nadamos. Mar de merda!.

51 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

...da derrota de Bolsonaro. É Lula? Não. Lula sabe que nada está definido. Eleição e mineração só depois da apuração. Lição do velho pessedismo dos tempos saudosos do Brasil ingênuo e democrático. Inc

...um frouxo armado! Bolsonaro grita histericamente num palanque: "Povo armado não será escravizado". Mas não diz, "homem armado não será assaltado". Por que será que não diz? Vou contar. Vinha o ex-c

Acompanhei por muitos dias vários portais da Direita, bolsonaristas ou moristas, e descobri o óbvio. O discurso monocórdio, chato, paulificante. Portais, blogs e rádios televisadas. Vendedores de opin