• François

Quem garante quem?

Numa dessas notas de generais de pijama, que tá virando rotina, prática nunca vista em períodos de legitimidade democrática, e este é um desses períodos, mesmo que o eleito, legitimamente, jogue quase todos os dias na lata de lixo essa legitimidade, uma delas diz: "Nós garantimos a Constituição". Nós, quem, cara pálida?

Ninguém garante a Constituição. Ela é que garante todos. Inclusive, garante vocês. Quando ela precisar da garantia de vocês é porque não existirá mais. E aí vocês, de trabuco na mão, vão tentar a farsa dos seus ancestrais. E vão cair do cavalo e do helicóptero. Mesmo se conseguirem, não terão condições de manter uma ditadura. Sabem por quê? Porque não possuem condição objetiva, competência administrativa, nem amparo internacional. Se vocês tivessem competência administrativa este governo estaria muito bem. Vocês empanzinaram o Executivo. Só tem milico. Até os civis do governo são sargentos frustrados. E vejam a merda que se espraia desse governo de vocês. As Forças Armadas nada têm a ver com isso. Os responsáveis são vocês. Espertos fardados ou de pijama abiscoitando uma boquinha comissionada. É mentira?

Pois bem. Esses generais das notas cavilosas, com o peito cheio de medalhas de batalhas inexistentes, e de guerras nunca lutadas, não assustam nem as crianças de antigamente, quando eram chantageadas pelo medo do papafigo.



88 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

De onde é a Revista Time?

Da Rússia? Se for é uma corja antidemocrática que detesta Trump e Bolsonaro, dois ícones da democracia terraplanista, tremendamente evangélica e "puritana". Não, não é da Rússia. É da China? Se for é

Vá entender!?

Eleições para prefeito em São Paulo, capital. Muitos candidatos, de tudo que é tendência, tendenciosas ou não. A única candidatura de esquerda com alguma e real chance de vencer é a do Psol, Guilherme

O nariz de Pinóquio...

...maior do que a Amazônia. Nunca na história da ONU, setenta e cinco anos, nem quando da guerra fria, em que mentiam soviéticos e americanos, um chefe de Estado mentiu tanto em tão pouco tempo. Quinz