• François

Segredo de "estado"...

...ou Polichinelo de província? Essa é a questão posta quando o governo tentou impedir a entrega da gravação de uma reunião ministerial, em cuja duração, segundo o ex-juiz e ex-ministro Sérgio Moro, há provas da sua afirmativa de interferências de Bolsonaro em investigações da Polícia Federal.

Antes, o próprio Bolsonaro "ameaçou" desmoralizar Moro dizendo que iria divulgar a gravação. Logo depois, recuou, como ele recua diariamente, e disse que "fora aconselhado a não fazê-lo", sob o argumento de Assuntos de "segredos de estado" na referida reunião.

Ah...Jesus. Não há segredo com mais de três conhecedores, ensina a cultura popular. Ora, ali estavam ministros, assessores, servidores de café e água, ascensoristas e outros. Todo mundo já sabe o que rolou na reunião. Celso de Melo vai guardar o segredo de Polichinelo. O personagem ridículo da comédia napolitana, que expunha abertamente um segredo prometido na mesma peça bufa.

Qual "segredo de estado"? Bolsonaro referir-se de forma ofensiva à China, inclusive com palavras de baixo calão. Ficou aí? Não. O ministraço da educação chamar de "filhos da puta esses ministros do supremo". Além de outros termos, no correr da reunião. A forma de palavrões para vagina, testículos, pênis e anus.

Esse é o segredo, que assusta não pelo risco, mas pelo escracho de um governo nu. Imagino o rubor, vermelhidão, na face erudita do Ministro Celso de Melo. Isso é o que se sabe, se comenta e se escreve na mídia. Em todos os veículos, em todas as formas de mídia. E até agora não apareceu qualquer desmentido.

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O rinoceronte acoelhou-se

Pois é. O valentão de dois dias atrás virou coelho, quando lhe apertaram os colhões. Essa tchurma não engana. Tudo valentia de ocasião, esperando que as armas ostensivas e os músculos bombados imponha

O oitão do cajá

O Cajá era um sitio minimalista, de propriedade de minha avó, onde morava seu Bendito do Cajá. Nunca soube do seu sobrenome, conhecido era ele pelo pós nome do sitio onde morava. O sítio era tão sem g

Picaretagem interrompida?

Onde e por quem demonstra a maluquice do país, do qual alguém já disse há muito tempo: "No Brasil não será surpresa se um dia a Sexta Feira da paixão cair numa Terça Feira de carnaval". A que me refir