• François

Ventilador na boca da fossa

Tem rei nu não. Tem bufão de cueca nos joelhos. Essa é a informação da audiência que viu e ouviu a reunião "republicana" do ministério Bolsonaro. Tem de tudo. Eu já cantara alguns furos por aqui. Lembram?

O rei bufão estava "calmo" nas entrevistas de hoje. Nada daquela pose ameaçadora. E com máscara. Respeito ao vírus? Não. Escondendo o tremor dos lábios.

Foi uma reunião escrachada. Palavrões, insultos e ameaças. Sobrou pra todos. Ministros do Supremo chamados de filhos da puta. (pelo ministraço da educação, rapaz educado) Sugestão de prender governadores e prefeitos. (foi a Damares, subindo na goiabeira). Agressões a países e chefes de Estado. (o próprio Bolsonaro). Quanto ao que denunciou o ex-juiz Sérgio Moro, tá tudo lá.

Agora, vai ser o remendo pra enviesar o dito e fazê-lo desdito. Imagino o advogado orientando os generais do palácio sobre o depoimento deles. "Não, general, diga assim não. Diga assim". E o ventilador de dezesseis hélices rodando feito o cão na boca da fossa...

50 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O rinoceronte acoelhou-se

Pois é. O valentão de dois dias atrás virou coelho, quando lhe apertaram os colhões. Essa tchurma não engana. Tudo valentia de ocasião, esperando que as armas ostensivas e os músculos bombados imponha

O oitão do cajá

O Cajá era um sitio minimalista, de propriedade de minha avó, onde morava seu Bendito do Cajá. Nunca soube do seu sobrenome, conhecido era ele pelo pós nome do sitio onde morava. O sítio era tão sem g

Picaretagem interrompida?

Onde e por quem demonstra a maluquice do país, do qual alguém já disse há muito tempo: "No Brasil não será surpresa se um dia a Sexta Feira da paixão cair numa Terça Feira de carnaval". A que me refir